Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Have a Break With S.

Have a Break With S.

Alerta catlovers: Parque Kennedy, o jardim dos gatos

O Parque Kennedy situa-se em Miraflores, Lima (Peru) e serve de residência a mais de 50 gatos! Existe no local um grupo de voluntários que se encarrega dos seus cuidados e promove campanhas regulares para a sua esterilização e posterior adopção. Desde há algum tempo a vigilância do local foi melhorada para evitar que haja acidentes com estes felinos (sabemos que, infelizmente, há sempre alguém com ideias e comportamentos menos correctos...). 

Como catlovers passamos uma boa parte do tempo pelo parque a tirar algumas fotografias aos "residentes". Ao contrário do que tínhamos lido previamente na internet, a maior parte dos gatitos aparentavam estar bem tratados e relaxados no seu ambiente. O parque estava igualmente bem cuidado e limpo! 

E como surgiu este "jardim de gatos"? Diz-se que há alguns anos atrás este local estava cheio de ratos, motivando alguns residentes a levar para o parque alguns gatos que foram ficando e procriando, a par da sua função de "vigilantes"...

 

Aqui ficam algumas fotos! :)

 

IMG_0091.jpg

 

IMG_0089.jpg

 

IMG_0086.jpg

 

IMG_0083.jpg

IMG_9694.jpg

IMG_9681.jpg

IMG_9677.jpg

IMG_9671.jpg

IMG_9669.jpg

IMG_9657.jpg

IMG_9654.jpg

IMG_9648.jpg

IMG_9642.jpg

IMG_9625.jpg

IMG_9613.jpg

IMG_9611.jpg

IMG_9606.jpg

IMG_9603.jpg

IMG_9599.jpg

IMG_9595.jpg

IMG_9587.jpg

IMG_9586.jpg

IMG_0131.jpg

IMG_0124.jpg

IMG_0117.jpg

IMG_0109.jpg

IMG_0101.jpg

IMG_0100.jpg

IMG_0096.jpg

Quem ficou com vontade de adoptar um (ou mais)? :)

 

Podem também seguir:

Facebook

Instagram

 

Até breve!

S.

 

Arequipa, a Cidade Branca

Uma das últimas paragens da nossa viagem pela América Latina foi Arequipa, a ciudad blanca. Deve este nome à construção dos seus edifícios, em pedra vulcânica de cor branca. Situa-se a 2300m de altitude e é rodeada pelos vulcões Misti, Chachani e Pichu Pichu, que proporcionam uma vista fenomenal de diversos pontos da cidade. 

 

O que fazer nesta cidade? Deixo-vos com a minha selecção...

 

1. Plaza de Armas. Um dos principais espaços públicos e de fundação da cidade. Aqui é possível compreender bem a "alcunha" dada a Arequipa, com a Catedral branca e os edifícios envolventes a contrastar com as palmeiras e o jardim que se encontram no centro. Um dos melhores locais para sentar por alguns momentos e apreciar a vida da cidade!

IMG_9217.jpg

IMG_8880.jpg

IMG_8878.jpg

IMG_8874.jpgIMG_9540.jpg

2. Monasterio de Santa Catalina de Siena. Situado no centro histórico de Arequipa, constituiu uma das principais atracções turísticas da cidade. Ao contrário da generalidade dos edifícios, o seu interior é pintado com cores fortes, como o vermelho e o azul. Esta é, sem dúvida, a característica que torna este sítio tão especial! Percorrer os seus corredores labirínticos foi uma experiência única, complementada pela "descoberta" daquilo que podem ver nas últimas fotos (claro que nos mantivemos muito longe para não perturbar!).IMG_9519.jpgIMG_9420.jpg

IMG_9526.jpg

IMG_9446.jpg

IMG_9403.jpg

IMG_9392.jpgIMG_9369.jpg

IMG_9380.jpgIMG_9323.jpg

IMG_9364.jpg

IMG_9354.jpg

IMG_9327.jpg

 

IMG_9315.jpg

IMG_9259.jpg

Aqui está a descoberta: um colibri andino e o seu ninho bem completo...IMG_9290.jpg

IMG_9301.jpg

3. Passear pelas ruas do Centro Histórico de Arequipa.

 IMG_9233.jpgIMG_8877.jpgIMG_8891.jpg

IMG_8887.jpg

 4. Ao final da tarde, aproveitar para desfrutar do pôr-do-sol (de preferência num dos vários terraços da cidade!)

IMG_9534.jpg

IMG_8883.jpg

5. Mercado San Camilo. Situa-se muito perto da Plaza de Armas e aqui pode encontrar-se uma grande variedade de produtos, mas sobretudo muita muita cor... [fotografias do mercado: não originais].

SANCAMILO_00017.jpg

mercado-san-camilo-arequipa-peru.jpg

mercado-san-camilo-Arequipa.jpg

mercado-san-camilo.jpg

 6. Descer (e subir) Colca Canyon, como podem ler aqui: Colca Canyon

IMG_8997.jpg

7. Avistar o Condor Andino, como também podem ver aqui: Colca Canyon

IMG_8916.jpg

Próxima paragem: Lima, Peru. Não percam!

 

Podem também seguir no Instagram e no Facebook.

Até breve! :)

S.

Sabores em viagem: lomo saltado

E como viajar não significa apenas ver paisagens e cidades, hoje o post é dedicado a um dos pratos que mais pontos conquistou durante a passagem pelo Peru: o lomo saltado. Este prato é um dos mais populares da cozinha peruana, conhecido também como "lomito de vaca", tendo influências asiáticas. 

Pode parecer surpreendente ficar à frente dos ceviches mas, na verdade, é aquele que mais vezes vem à memória e traz boas recordações destas férias.

Decidi pesquisar a receita para, eventualmente, me aventurar pela cozinha e tentar reproduzir estes sabores peruanos.

Partilho aqui a receita original de lomo saltado que mais me agradou e que espero pôr em prática em breve!

lomo-saltado-1.jpg

 

Ingredientes

- 1 kg de bife do lombo de vitela cortado em fatias finas;
- 2 dentes de alho picados;
- sal e pimenta a gosto;
- 3 colheres de sopa de óleo vegetal;
- 1 cebola vermelha pequena, cortada em fatias grossas;
- 2 tomates cortados em fatias grossas;
- 1 pimenta Aji Amarillo cortada em fatias finas;
- 2 colheres de sopa de molho de soja;
- 3 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto;
- 1/3 chávena de caldo de carne;
- 1/2 chávena de coentros frescos picados;
- batatas fritas e arroz branco como acompanhamento.

Easy-Healthy-lomo-saltado-recipe-550x806.jpg

aji_ (2).jpg

 

Preparação:

1. Temperar a carne com alho, sal e pimenta;

2. Colocar o óleo numa frigideira e refogar a carne, adicionando algumas tiras de cada vez;

3. Adicionar a cebola, os tomate e a pimenta e refogar tudo durante 2-3 minutos. Os tomates e cebolas deverão ficar com uma consistência crocante, mas não mole;

4. Adicionar o molho de soja e o vinagre e misturar tudo;

5. Adicionar o caldo de carne e deixar cozinhar por mais 1-2 minutos;

6. Quando estiver pronto, servir com os coentros picados, acompanhando com batatas fritas e arroz branco.

912d285a-5205-4f15-aef6-8eeb025b496f.jpg

 

Podem seguir também aqui:

Instagram

Facebook

 

Fotografias: 

cherryonmysundae.com

skinnytaste.com

 

Quem é que já experimentou ou ficou com vontade de experimentar? :)

Até breve!

S.

A descida ao Colca Canyon

Um dos últimos destinos desta viagem pela América Latina foi Arequipa, cidade sobre a qual irei falar no próximo post. Chegar até aqui a partir de Santigo do Chile não foi nada fácil! Voámos até Arica, atravessámos a fronteira entre o Chile e o Peru num táxi colectivo até Tacna e, por fim, fomos de autocarro até Arequipa. Poderia ter sido tudo mais fácil caso a minha mochila não tivesse ficado perdida algures em Santiago. Cheguei assim a Arequipa, apenas com a roupa que tinha no corpo... Claro que isto implicou uma ida ao "chinês" local onde comprei os artigos disponíveis, como umas leggings azuis fluorescente e uma t-shirt da Hello Kitty! :) Chatices à parte, e com a promessa de que a minha mochila seria encontrada e enviada até mim, fomos aventurar-nos pelo último trek da viagem: a descida ao Colca Canyon!

Este Canyon tem a profundidade de 3270m, sendo um dos mais profundos do mundo.

IMG_9165.jpg

 Na foto: Vale de Colca

Duração do trek: 2 dias

Distância total a percorrer: 19 Km

 

Dia 1 (despertador para as 3am)

 

Já com sol, a caminho do Colca Canyon para o início do trek

IMG_8896.jpg

 

Paragem para observação do Condor Andino (a maior ave voadora do mundo!)

IMG_8935.jpg

IMG_8934.jpg

IMG_8916.jpg

IMG_8915.jpg

 

O início da descida até ao fundo do Canyon

IMG_8978.jpg

IMG_8975.jpg

IMG_8974.jpg

IMG_8970.jpg

IMG_8951.jpg

IMG_8941.jpg

 

O "Oásis" onde iríamos passar a noite, visível a partir de cima. À primeira vista até parecia relativamente fácil de alcançar (estávamos claramente enganados!)

IMG_8948.jpg

IMG_8944.jpg

 Um pouco mais da paisagem fantástica que nos rodeava durante a caminhada

IMG_9004.jpg

IMG_8997.jpg

IMG_8990.jpg

IMG_8987.jpg

IMG_9006.jpg

Atravessando o rio...

IMG_9012.jpg

IMG_9007.jpg

 Tivemos esta companhia durante grande parte do percurso!  :)IMG_9011.jpg

Já do outro lado da margem fizemos uma pequena pausa para comer e, de seguida, continuámos a caminhada, numa tentativa de chegarmos ao Oásis a tempo de dar um mergulho na piscina. Devido à indisposição de alguns membros do grupo (fazia mesmo muito calor!) tivemos de parar algumas vezes, o que atrasou um pouco o plano previsto. Por outro lado, tivemos mais tempo para desfrutar das margens do rio que atravessa este vale.

IMG_9052.jpg

IMG_9046.jpg

IMG_9035.jpg

IMG_9029.jpg

IMG_9023.jpg

 Já ao final da tarde avistámos finalmente a nossa paragem, agora mais próxima...

IMG_9041.jpg

Chegados ao alojamento, ficámos distribuídos por estruturas semelhantes a cabanas, sem electricidade, o que permitiu passar algum tempo a fotografar este exterior... 

IMG_9082.jpg

IMG_9067.jpg

IMG_9062.jpg

IMG_9059.jpg

 

Dia 2 (despertador para as 4:30am)

Mais um dia que começou bem cedo! Como tínhamos descido o Canyon no dia anterior, neste dia aguardava-nos a subida. Parecia uma ideia bastante assustadora, mas havia apenas duas opções: regressar a pé ou de mula...

IMG_9036.jpg

Mantivemos o nosso plano original e preparámos-nos para subir a pé todo o percurso. Curiosamente, achei a descida mais complicada, implicando um grande esforço para estar permanentemente em "modo travagem". Embora já estivéssemos há quase um mês em viagem, acredito que o Inca Trail nos preparou muito bem fisicamente! Uma parte do percurso foi feita ainda durante a noite, de lanternas na cabeça, e foi possível ver o amanhecer. Chegar ao topo foi uma verdadeira conquista e fomos presenteados com a erupção de um vulcão activo nas redondezas. Foi, sem dúvida, um momento especial!

IMG_9112.jpg

IMG_9094.jpg

IMG_9090.jpg

 Continuámos por um pequeno percurso até à aldeia onde iríamos almoçar...

IMG_9187.jpg

IMG_9126.jpg

IMG_9125.jpg

IMG_9116.jpg

Terminámos o dia numa espécie de "tanques de água termal", onde foi possível relaxar e recuperar a energia necessária para a recta final da viagem. Digamos que, nesta fase do percurso, já valia tudo! :)

IMG_9193.jpg

IMG_9192.jpg

Para terminar, no regresso a Arequipa fizemos uma pequena pausa no Mirador de los Andes, a uma altitude de 4910m, para observação dos vulcões circundantes.

IMG_9199.jpg

IMG_9197.jpg

E assim terminou a nossa aventura de 2 dias ao Colca Canyon! 

O próximo post será sobre "Arequipa, a cidade branca". 

Podem encontrar mais fotos aqui:

Instagram

Facebook

 

Até breve! :)

S.

Santiago "do Chill"

Depois de uma "pausa para férias", regresso com um post sobre Santiago do Chile, cidade onde ficámos durante 3 dias na nossa viagem latina. Para acrescentar à lista de imprevistos que já íamos coleccionando, em Santiago esperava-nos uma chuva de intensidade nunca antes vista (por nós!) que transformou as ruas e avenidas em autênticos rios. Tirar a máquina fotográfica e o telemóvel do bolso era praticamente impossível, por isso, restam-nos sobretudo as memórias de saltitar de passeio em passeio com água pelos joelhos. Resta-nos igualmente a experiência de termos pernoitado duas noites em casa de uma família chilena que, sem exagero, colocava a música Despacito em repeat pela noite dentro. Enfim... Isto foi Santiago do Chile! :)

 

Fica o que foi possível captar... Quem é que também já passou por aqui?

 

Pelas ruas e Plaza de Armas

IMG_8852.jpg

IMG_8841.jpg

IMG_8840.jpg

IMG_8838.jpg

IMG_8837.jpg

IMG_8835.jpg

 

Termino com um aviso que encontrámos no metro e que transmite o espírito destes dias... 

Siempre mantén la calma! Always keep calm! :)

19149135_1725155480839594_8463662795425269335_n.jpg

Podem encontrar mais fotos aqui:

Instagram

Facebook

 

Até breve! :)

S.